19 dezembro 2007

Dia 1 – 11:15-12:00

Nicholas parecia pensativo. Luciana abismada.

Os dois não expressavam nenhuma palavra, apenas esperavam o que os médicos do Hospital Santa Cruz* teriam a dizer sobre Eric. Não tinham idéia do que aconteceu até aquele momento. Não importava se tinham visto todos os detalhes do acontecido, era inimaginável da mesma forma.

Nicholas teve que ser chamado por várias pessoas, entre elas funcionários do hospital e pessoas na fila de espera, para perceber que o seu celular estava tocando.

Mais dois toques para olhar quem era. Carlos.

N- Alô?
C- Nicholas! Aonde você está? Por que saiu sem avisar?
N- Senhor... tenho que falar uma coisa sobre Eric... mas tem que ser em particular.
C- OK, depois discutimos isso... onde você e Luciana estão? Vocês saíram há mais de uma hora e não me avisaram! Não tenho nada contra a saída de vocês, mas não dei permissão para saídas prolongadas. Esse trabalho tem que estar pronto nos próximos quatorze dias, entendeu bem?
N- Eu entendi, senhor...
C- Onde vocês estão? Responda!
N- Estamos em um... hospital... Eric...

Nicholas parou de falar como se estivesse obedecendo ordens de alguém.

C- O que há com Eric?
N- É isso... não posso falar por aqui... tem que ser em...
C- Eu já entendi. Em particular. Venha para cá e conversaremos. Deixe Luciana aí por enquanto para saber notícias de Eric.
N- Eu... não...

Calou-se.

C- “Não” de quê, Nicholas?
N- Espere... falarei com Luciana.

Nicholas afasta o telefone da boca e vira-se pra sua mulher, que mesmo após o toque do celular e da breve conversa dele, não mudou a expressão do rosto.

N- Luciana. Carlos está querendo que eu vá para o trabalho. Pode me enviar notícias de Eric por telefone?

Luciana não respondeu.

N- Luciana, você me ouviu?

Ela permaneceu muda.

N- LUCIANA!

O grito de Nicholas ecoou por toda a sala, o que causou vários “shhss” de todos que estavam por lá.

L- Han? O quê?
N- Graças a Deus! Ouviu o que eu disse?
L- Han... eu... não. O que foi?
N- Em que mundo você estava? Bem, deixa isso pra lá. Tenho que falar com Carlos sobre Eric, mas tem de ser no trabalho. Pode me mandar notícias de Eric por celular?
L- Er... hum... OK. Tudo bem. Estarei atenta.
- Creio que isso não será necessário por algum momento, Sr. Valencio.

Nicholas olhou para a voz. Era um médico. O mesmo que estava cuidando do seu filho.

N- Doutor! Como assim? Já sabe o que houve com Eric?

O médico fez um breve silêncio e começou a falar.

- Srta. Valencio, pode me acompanhar com o seu marido, por favor?

Luciana estava meio distraída, mas não foi necessário repetir.

L- Hum... claro. Vamos.

O doutor levou os dois para o lado de fora do hospital.

- Serei breve com vocês. Desculpem-me se não consigo fazer melhor, mas já tentei isso muitas vezes e não funcionou. Bem, o filho de vocês está inconsciente faz algum tempo.

Nicholas e Luciana mostraram-se mais aflitos, mas não falaram por algum tempo.

- Não se preocupem. Não parece ser um coma. Ele simplesmente acordou, conversamos com ele por um tempo e ficou inconsciente de repente. Seus batimentos cardíacos, sua pressão arterial e seu nível de oxigenação estão normais. Ele não corre risco de vida.
N- Ele... falou com você? O que ele disse?
- Ele só perguntou porque estava no hospital e por vocês. Após eu responder, ele “apagou”.
L- Tem alguma previsão... de quando ele possa acordar?
- Temos médicos preparados para que ele acorde o mais rápido possível. Não se preocupem. Com a licença dos senhores, vou me retirar. Avisarei a sua mulher sobre quaisquer mudanças com o seu filho, Sr. Valencio.

O médico voltou ao hospital. Luciana e Nicholas permaneceram por lá.

N- Você entendeu, Luciana? Quero saber qualquer notícia de Eric. QUALQUER que seja.
L- Está bem, Nick. Carlos quer saber de nosso filho, não é?
N- Sim, afinal ele é a chave de tudo. Ele foi o único a ouvir aqueles ruídos. Precisamos saber qual é o problema.
L- OK. Manterei vocês dois informados.
N- Ah, droga! Esqueci o Carlos no telefone. Carlos? Carlos?

A ligação já tinha caído e parecia que há um tempo considerável.

L- Duvido que ele esperaria.
N- É, eu também... bem, estou indo.

Nicholas se despede de Luciana e segue o seu caminho.

Depois de Nick sumir de vista, ela voltou ao hospital.

- PEGUEM ELE!

Viu uma correria de médicos, um deles segurando o seu braço direito com uma ferida muito feia, parecendo uma mordida profunda de um animal.

Quem eles estavam perseguindo?

- REEEDOROLOZOWESSSSS!!
L (pensamento)- Não pode ser...

Um dos médicos foi derrubado e todos pararam.

- SOCORRO! Ele está... me... enfor... uff.

Pelo menos três médicos tiveram que se unir para puxar a “coisa” que certamente mataria o médico. A força foi tanta que ela fora jogada em uma sala em que a divisória de vidro espatifou-se totalmente.

- Fiquem atentos! Não deixem o menino fugir!
L (pensamento)- O menino? Sim, é ele.
- O quê? AAAAAAAAHHHHHHHHHHHH!!!

Luciana só pôde ver um dos médicos caindo. Ele estava com um grande caco de vidro enfiado na testa.

- FRRRRAAAAAAZZZZ! BIBOL SETORIL WEKLONOMAT!
- “Game over” pra você, menino assassino.

Tudo o que a mãe de Eric pôde ouvir foi um som de ferro chocando-se com alguma superfície sólida.

-Dregopiii...

E ficou em silêncio. Momentos depois, Luciana conseguiu ver o menino caindo no chão.

Não ficou muito surpresa quando viu que era mesmo Eric.

No mesmo momento pegou seu celular.

L- Nicholas?
N- Luciana? Notícias?
L- O caso é sério. Preciso de você aqui.
N- O que houve afinal?
L- Um médico morto por um menino. Isso lhe diz alguma coisa?

Nicholas demorou um pouco pra responder.

N- Entendi o recado. Estou indo para aí.
L- Precisaremos de Carlos.
N- Levarei ele também.








*Hospital de Curitiba / Paraná / Brasil. Localizado na Avenida Batel, 1889. http://www.hospitalsantacruz.com/

PS: Post só pra sair do hiatus.
PS2: Primeira morte! \o/
PS3: Medo de Eric :O
PS4: Agora é com Tatah. Esperem por ela.

por Igor PhOeNiX_H, às 07:37 -

- x -



Pylon: (inglês) torre de alta voltagem.

Uma simples música estimulante... ou uma droga poderosa?
Uma coisa é certa: os usuários nunca mais terão suas mentes como eram antes.






PERFIS DOS PERSONAGENS
× clique aqui




PARA DOWNLOAD
× Atualizado em 31/01/2008 - 04:43




PARA ATUALIZAÇÕES VIA FEED
× clique aqui




POSTS ANTERIORES
× Dia 1 - 9:30-10:00
× Dia 1 - 10:15
× Dia 1 - 9:30
× Dia 1 - 9:30-10:30
× Dia 1 - 8:30–9:30
× Dia 1 - 9:00-9:30
× Dia 1 - 8:30
× Dia 1 - 8:00-9:00




LINKS
× Anja Caída
outra história, da Tatah!

× Fim dos Tempos
(comunidade do livro do Igor)

× 70 Anos Depois
(comunidade de outro livro do Igor ¬¬")

× Não sei escrever!
blog da Tatah :B




ARQUIVOS
× Setembro 2007
× Outubro 2007
× Novembro 2007
× Dezembro 2007
× Janeiro 2008
× Fevereiro 2008





CRÉDITOS
× Tatah
× Haloscan
× Blogger


Free Web Counter

online